[TOP FIVE] Livros que prezam o amor

Hey, pessoas!

O post de hoje é extremamente especial. Muitos de vocês já sabem que ontem foi o Dia do Orgulho Gay, um dia de muito respeito, dignidade e, acima de tudo, muito amor. Para comemorar essa data, e também a legalização do casamento homossexual que aconteceu lá nos EUA, e na qual todos os países do mundo devem se espelhar, eu decidi que não poderia deixar de vir aqui e espalhar um pouquinho de humanidade em cada um dos coraçõezinhos de vocês, meus queridos viajantes.

O Top Five, nesta data, é intensamente espontâneo e carregado de um dos sentimentos mais fortes e bonitos do universo: o amor. E é importante lembrar: o amor em todas as suas formas, raças, orientações sexuais e crenças. O amor que nunca deixa de ser em momento nenhum. O amor que é nossa pedacinho mais perto do paraíso!


1. Garoto Encontra Garoto (David Levithan)

Garoto Encontra Garoto

O livro conta a história de Paul, que encontra Noah, e entende que ele é definitivamente o garoto dos seus sonhos. De uma forma espetacular, Paul acaba estragando tudo, e agora precisa enfrentar diversos desafios que quiser seu grande amor de volta. De uma forma divertida e nada convencional, num ambiente completamente oposto ao que estamos acostumados, Levithan nos envolve nessa comédia romântica e nos faz perceber que tudo que importa de verdade é única e exclusivamente o que sentimos dentro do peito, aquilo que nos torna iguais e humanos.

2. Aristóteles e Dante Descobrem Os Segredos do Universo (Benjamin Alire Sáenz)

Aristóteles e Dante Descobrem Os Segredos do Universo

De uma forma leve e apaixonante, o autor nos apresenta Ari e Dante, dois garotos extremamente diferentes, praticamente opostos, mas que sentem-se ligados um ao outro de uma maneira única e verdadeira. Juntos eles compartilham momentos, gostos, dúvidas e sentimentos, e acabam descobrindo que aquilo que os une é muito mais forte do que poderiam imaginar.

3. Dois Garotos Se Beijando (David Levithan)

Dois Garotos se Beijando

Baseado em fatos reais, o livro segue os passos de Harry e Craig, dois garotos que estão prestes a bater um recorde: passar 32 ininterruptas se beijando. O desafio é grande, e a situação acaba chamando atenção de diversos outros jovens da mesma faixa etária dos dois, que precisam lidar também com sua identidade, seus tabus, sentimentos e tribulações, procurando à todo custo um lugar pra chamar de seu.

4. Will & Will (John Green e David Levithan)


Um encontro improvável e marcante entre dois garotos que dividem o mesmo nome acaba desencadeando uma série de eventos e sentimentos inexplicáveis, capazes de fazer os dois descobrirem que, mesmo completamente diferentes, algo em comum entre eles é mais forte do que tudo isso. Uma história linda, comovente e tocante, que vai te fazer perceber a importância do amor!

5. Minha Metade Silenciosa (Andrew Smith)

Minha Metade Silenciosa

Neste livro, acompanhamos Palito, um jovem de quatorze anos, que, por conta de suas características físicas, sobre bullyng na escola. Em casa, a situação só piora. Palito vive em um lar desestruturado, onde seus pais punem qualquer atitude fora das regras com castigos dolorosos e desumanos. Seu irmão mais velho é a única fonte de segurança para o garoto. Neste fase de mudanças, Palito não preocupa-se apenas com sua situação familiar ou social, mas sim com todas as mudanças que estão ocorrendo psicologicamente em sua cabeça. Ele só precisa de apoio e compreensão, para finalmente encontrar a sua verdadeira identidade. Um livro chocante e comovente, que vai te fazer rir, chorar e, acima de tudo, marcar sua vida para sempre.

E aí, galera, curtiram as dicas? Conhecem ou já leram algum dos livros? Não esqueçam de me contar nos comentários! E lembrem-se: o respeito ao outro não deve ser comemorado em apenas um dia. Ele precisa ser frequente em nossos dias, e é necessário que entendamos que este é o único caminho possível para a paz que tanto procuramos. No mais, amem, sem medida, sem medo e sem padrões! Apenas amem, e deixem-se amar! Até a próxima postagem!

Beijos 

1 comentários:

  1. david levithan sempre arrasando nesse quesito! adooro tb todo dia, acho o amor desse livro maravilhoso tb!
    tonsdeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir