[PRIMEIRAS IMPRESSÕES] Spettacolo - Rafaela Papini

Hey, pessoas!

Há alguns dias eu conheci o trabalho da Rafaela Papini, através de indicações em redes sociais. Confesso que fiquei muito interessada no livro da autora, e quando surgiu a oportunidade para trazer minhas primeiras impressões aqui para o blog, não pensei duas vezes. Agora vocês vão conferir o que eu achei desse romance lindo!



Título: Spettacolo
Autor: Rafaela Papini
Sinopse: De um lado, a história de Hiram, um misterioso e sedutor artista de circo que se apresenta fazendo shows com fogo. De outro, a história de Maria Luisa, uma menina insegura, levando uma vida monótona em uma cidade pequena do interior. Ele possui segredos de um passado doloroso, que desvenda com a ajuda de uma fotografia rasgada e o diário de sua mãe, morta em um incêndio fatal durante um show de mágica. Ela sofre com uma mãe distante e um namorado indiferente, entediada com sua vida dolorosamente comum . Eles levam vidas completamente diferentes, mas de alguma forma, o destino os cruza durante um espetáculo em que Hiram se hipnotiza por um par de olhos azuis que o fitava, admirado, na plateia. Em sua busca pela dona dos olhos azuis, suas vidas acabam se cruzando por diversas vezes, até que elas são drasticamente separadas quando Malu se vê vítima de uma cilada que fez Hiram se deparar com o seu pior pesadelo virando realidade. A história conta os encontros e desencontros do casal e como seus estilos de vida são postos em prova, fazendo-os repensar tudo aquilo que eles são, para que possam viver esse grande amor.


Vocês já devem saber que eu não sou uma leitora assídua de romances. Eles costumam ficar longe das minhas listas de leitura, mas com Spettacolo eu precisei abrir uma exceção. E acredito que foi a melhor decisão que eu podia ter tomado!

Quero começar a falar do livro a partir do cenário: o mundo circense. Sou completamente fascinada por tudo dentro de um circo, desde muito pequena. É claro que, no meu ponto de vista, a Rafa acertou em cheio nesse detalhe: toda a magia e encantamento do universo está ali, nas descrições que a autora faz dentro da história. É impossível ficar imune às atrações incríveis, à beleza do lugar, à fascinação da plateia, é como se fôssemos literalmente transplantados para dentro do espetáculo, e ficássemos tão ou mais impressionados quanto os próprios personagens.



Falando em personagens, mais uma vez a Rafa arrasou! Eu adorei a Malu: ela é uma garota batalhadora, que trabalha para pagar seus estudos, é forte, decidida e muito sonhadora, além de ainda guardar um lado romântico dentro dela, o qual acaba transformando-a numa pessoa meiga e extremamente doce. A vida de Malu mudou completamente quando ela conheceu Pedro, seu atual namorado, mas no momento em que acontece a história o relacionamento dos dois não está às mil maravilhas: Pedro é relapso, distraído e distante, até um pouco frio, e a nossa protagonista começa a sentir que seu coração não está totalmente completo.

Hiram é um artista circense, e muito se orgulha desse aspecto de sua vida. Desde muito novo, aprendeu a amar o mundo do circo, com sua mãe, e a partir de então aquele picadeiro passou a fazer parte dele. Quando se apresenta, o garoto sente-se pleno, poderoso, como se tudo fosse possível para ele. Porém, Hiram sente falta dos laços que as mudanças constantes com o circo não permitem que ele fortaleça. O nosso protagonista sente que algo dentro dele ainda é incompleto, mesmo amando profundamento aquele universo. E é a partir do momento que seu olhar cruza com o de Malu que ele sabe que encontrou o que procurava.

O que eu senti ao ler esses primeiros capítulos de Spettacolo é difícil de descrever: logo nas primeiras páginas, já me vi completamente embriagada por aquele enredo, torcendo infinitamente pela felicidade do casal protagonista. Não há como não notar a química e conexão crescente entre os dois. Sem nem mesmo saber, Malu e Hiram encontram um no outro tudo aquilo que faltava neles mesmos, e isso é tão puro, tão verdadeiro, que fica impossível não se comover com o relacionamento dos dois.

Um elemento super importante para eu ter gostado tanto da trama é a realidade que a Rafa dá aos seus personagens. Desde suas características físicas, até suas ambições, sonhos e dúvidas, tudo é muito verídico, muito palpável, e é fácil se identificar com os personagens, em várias situações. Acredito que isso, e a forma como a autora escolheu narrar a história, intercalando entre Hiram e Malu, em terceira pessoa, aproxima o leitor da narrativa, dos protagonistas, permite-nos conhecê-los e amá-los do jeito imperfeito que são.

Termino essas primeiras impressões com apenas uma sensação dentro do peito: amor, puro e simples. Eu amei o universo criado pela autora, amei os personagens, amei tudo que acontece dentro do picadeiro, e amei, acima de tudo, a forma como Rafa nos insere internamente no seu enredo, fazendo-nos sentir como parte daquele cenário maravilhoso, daquele lugar mágico. Mal posso esperar para conhecer o restante do livro, e recomendo a todos vocês que façam o mesmo! Até a próxima postagem!

Beijos!

0 comentários:

Deixe seu comentário