[POST ESPECIAL] Feliz Aniversário, Mestre!

Hey, pessoas!

O post de hoje é um pouquinho diferente de todos os outros que temos no blog, porque o dia de hoje é muito especial. Vocês podem até não saber, mas eu, como fã assumida e surtada, lembrei disso hoje, logo ao acordar: 21 de setembro é aniversário do mestre, do nosso Stephen King, o rei do terror!

Acredito que esse nome dispensa maiores explicações, mas mesmo assim resolvi trazer um pouquinho do universo do escritor aqui pro blog, porque essa data não poderia passar em branco. Então, vamos conhecer um pouquinho mais do mestre?

Stephen Edwin King nasceu no ano de 1947, em Portland, no Maine, filho de Donald e Nellie Ruth Pillsbury King. Criado somente pela mãe, após a separação de seus pais, juntamente com seu irmão David, passou a infância em Fort Wayne, Indiana, e em Stratford, Connecticut. Aos onze anos, voltou com sua mãe e irmão para Dunham, no Maine, por conta de seus avós, que lá moravam.


King graduou-se na Universidade do Maine (1970), onde possuía uma coluna semanal fixa no jornal escolar, chamado de The Maine Campus. Aluno ativo na universidade, participou de ações políticas e sociais. No ano de 1971, o escritor casou-se com Tabitha Spruce. Os dois conheceram-se na biblioteca da universidade, quando ainda eram estudantes. Nesse período, enquanto vendia histórias curtas para revistas, King escreveu seu primeiro conto profissional, intitulado The Glass Floor, que mais tarde, assim como outros contos do autor, foram compilados em antologias publicadas. 


No ano de 1973, a editora Doubleday & Co. aceitou a novela Carrie. A partir de então, King passou a dedicar-se à escrita em tempo integral, deixando de lecionar. Neste mesmo ano, o autor alcança sua aceitação no mundo literário com o livro Salem's Lot (traduzido no Brasil como A Hora do Vampiro). Carrie é publicado um ano após sua aceitação pela editora, no mesmo momento em que King muda-se para o Colorado com a família. Nesse tempo de aproximadamente um ano em que viveram ali, King escreveu The Shining (O Iluminado), adaptado ao cinema mais tarde, pelo diretor Stanley Kubrick. 


Em 1975, a família retorna para o Maine, onde o autor termina seu livro The Stand (A Dança da Morte, no Brasil). No ano de 2003, King recebeu um prêmio por sua contribuição com a literatura americana da The National Book Foundation. Considerado o mestre do terror, desde pequeno era um leitor ávido de quadrinhos do gênero, o que influenciou sua escolha literária. Com vários livros publicados e traduzidos em vários países do mundo e muitos filmes baseados em seus títulos, King tem três filhos, Naomi Rachel, Joe Hill e Owen Phillip, e uma cadela adotada da raça Cogi que o escritor, carinhosamente, apelidou de "Coisa do Mal".

ct4

Abaixo vocês encontram o link para as principais obras do mestre, mas se quiserem conhecer todos os títulos (e viciarem-se assim como eu!), é só clicar aqui, e vocês serão redirecionados ao Skoob do autor.

Carrie, a Estranha It: A Coisa À Espera de um Milagre O Iluminado Salem Revival A Dança da Morte Novembro de 63

Para você, que ainda não conhece nenhuma obra do autor, precisamos mudar essa história! Stephen King escreve como um verdadeiro mestre, e seus personagens são tão marcantes que fica difícil tirá-los da cabeça depois da leitura! Parabéns, mestre, e que suas palavras continuem transformando gerações! Até a próxima postagem!

Beijos!

0 comentários:

Deixe seu comentário