[RESENHA] Sabores Mortais - Bianca Carvalho

Hey, pessoas!

Recebi na minha casa esses dias a primeira cortesia da editora EraEclipse, e qual não foi a minha surpresa ao perceber o quanto fiquei entusiasmada com a leitura. Venham conferir o que eu achei de Sabores Mortais, da autora nacional Bianca Carvalho!

Sabores Mortais

TÍTULO: Sabores Mortais (Trilogia das Cartas III)
AUTOR: Bianca Carvalho
EDITORA: EraEclipse
NÚMERO DE PÁGINAS: 224 páginas
SINOPSE: Finalmente a última carta de Lolla é aberta, revelando o destino da última das mulheres DeWitt: a doce e responsável Tatianna. Há dezenove anos, Tatianna foi abandonada por sua mãe e nunca descobriu a verdade por trás desse mistério. Porém, talvez seja a hora de encontrá-la. A carta de Lolla a leva até um restaurante em outra cidade, onde sua mãe trabalhou depois da fuga. Lá, ela arruma um emprego e conhece o belo e misterioso Sebastian Hannigan, que, ao mesmo tempo em que tenta repeli-la, a seduz, fazendo-a acreditar que ele possui um segredo muito perigoso. Em meio à descoberta de seu próprio dom, receitas mágicas, uma paixão avassaladora e enigmas que não parecem levá-la a lugar algum, Tatianna investiga o que realmente aconteceu com sua mãe, enquanto tenta proteger sua vida de um mal contra o qual ela não sabe se é capaz de lutar.


"Todo e qualquer segredo um dia precisa ser revelado..." 




Sabores Mortais é o terceiro e último livro da Trilogia das Cartas, e nele conhecemos a terceira neta a quem Lolla manda sua carta de despedida. Tatianna é uma mulher dedicada, doce e com um talento fenomenal na cozinha. Assim como suas irmãs, Faith e Cailey, Tatianna também possui um dom, mas ainda não entende a natureza dele. Ao receber a carta de sua avó, como aconteceu com as outras irmãs DeWitt, ela descobre que a resposta para as perguntas, e a para a mágoa que a atormenta desde sua infância pode estar mais perto do que ela imagina, e só depende dela encontrá-la. O que ela não conseguiria prever era que iria encontrar pelo caminho um homem rude, arisco, mas capaz de mexer com seu coração de uma forma que nenhum outro conseguiu. Sebastian Hannigan é um homem forte, corajoso e muito astuto, que percebeu logo de cara que a forte ligação entre ele e a nova cozinheira do restaurante de seu irmão não poderia ser apenas coincidência. Tudo que Sebastian mais queria era manter Tatianna afastada de si, para o próprio bem da garota, mas as coisas nem sempre acontecem como esperamos ou desejamos, e agora ele vai precisar unir forças à família DeWitt para impedir que qualquer mal aconteça à moça. Será que Tatianna conseguirá descobrir a verdade sobre seu passado, as respostas que procura sobre seus dons?

Quando a editora EraEclipse anunciou qual seria a cortesia desse mês, fiquei contente e apreensiva ao mesmo tempo: contente porque sempre tive curiosidade em conhecer a trilogia, e um tanto apreensiva pois pensei que teria problemas em acompanhar esse livro sem conhecer a história dos outros dois anteriores. Felizmente, todas essas incertezas foram deixadas de lado no decorrer da leitura, visto que a trama não é necessariamente um seguimento, e os livros podem ser lidos fora de ordem sem nenhuma perca do enredo. Eu posso garantir a vocês que valeu muito a pena arriscar!

Eu já havia tido contato com a escrita de Bianca, com o livro Horas Noturnas (resenha aqui), mas posso dizer que esse é mil vezes mais envolvente. A história começa morna no início, mas logo fica completamente fluida e o leitor já não consegue mais desgrudar do livro. A forma de escrever da autora continua naquele estilo que definitivamente prende o leitor, mas eu confesso que o que me ganhou de vez nesse livro foi o enredo. Além dos poderes sobrenaturais das irmãs não serem nada comuns ou clichês, tudo que as envolve também não é: a vida das três é uma loucura, uma aventura atrás da outra, sem tempo de respirar. Os elementos que Bianca conseguiu incluir na trama além do sobrenatural deram ainda mais riqueza à história, e eu amei cada parte dela, cada aspecto e junção que a autora fez.

Uma das coisas que eu vi de mais positivo no livro é que ele não se enquadra em nenhum gênero específico: ele é uma mistura de vários que eu amo! Tem romance, tem crime, tem investigação, tem suspense, tem todos os elementos para tornar a leitura viciante e inesquecível! Acredito que isso tenha sido o que mais me chamou atenção na trama: a forma como a autora conseguiu englobar vários tipos de enredo em apenas uma história. E todos eles são muito bem trabalhados e estão impecavelmente bem distribuídos no decorrer da narrativa.

Os personagens são um show à parte: as irmãs são extremamente contrastantes entre si, e isso só dá um charme a mais ao enredo. Apesar de o foco aqui ser Tatianna, Faith e Cailey estão presentes ao longo de toda a escrita, atuando diretamente na trama e influenciando nas atitudes da nossa protagonistas. Além disso, seus maridos, Rowan e Jayce, também participam do enredo, de forma efetiva como qualquer outro personagem. A meu ver, isso só mostra ainda mais o talento e a capacidade da autora, pois não é fácil incluir tantos personagens diferentes na história, e construir perfeitamente cada um deles.

Tatianna é uma mulher doce, dedicada a sua família, que carrega uma mágoa muito grande em seu coração desde a infância. Mágoa essa que a fez sair da casa onde sempre viveu e partir em busca de respostas, do verdadeiro motivo de tudo ter acontecido como ocorreu em sua vida. Ao longo da narrativa percebemos um amadurecimento enorme da personagem: aos poucos ela compreende seus dons, cria coragem para enfrentar seus medos e tormentos. Sebastian é o verdadeiro galã, que quer proteger sua amada a qualquer custo. A aura de mistério que ele cria ao redor de si na tentativa de afastar Tatianna só a atrai ainda mais, bem como ao leitor, que fica com uma curiosidade incontrolável de desvendar todos os segredos que ele esconde dentro de si.

Uma outra característica da qual eu não podia deixar de falar. Desta vez, diferente do outro livro que eu li da autora, Bianca realmente conseguiu me surpreender! O desfecho da história de Tatianna e Sebastian foi completamente inesperado, e me fez ficar de queixo caído. Eu não esperava aquele vilão, não esperava aquele final, na realidade me deixei absorver tanto pelo enredo que era como se eu descobrisse tudo no mesmo momento dos personagens, como se estivesse ali, vivendo aquelas aventuras e sustos com eles. Foi indescritível e emocionante!

A diagramação da editora está impecável! A capa segue o mesmo padrão das anteriores, e continua lindíssima! A fonte utilizada é mediana e facilita muito a leitura. Além disso, a cada capítulo temos um subtítulo que é uma espécie de explicação sobre os benefícios e propriedades dos ingredientes contidos no nome dado a determinada parte do livro. Eu achei isso super interessante e curioso!

Cheguei ao fim da leitura inteiramente satisfeita, e doida pra conferir os outros volumes da trilogia. Para quem é como eu, e curte uma história cheia de ação, mistério, suspense e com aquela pitada de romance que é sempre indispensável eu mais do que recomendo a leitura: acho que ela é imperdível! Meu muito obrigada à editora pela oportunidade de conhecer essa história incrível e pela confiança depositada no blog!

E vocês, viajantes, já conhecem a trilogia? Me contem nos comentários! Até a próxima postagem!

Beijos 

1 comentários:

  1. Olá
    não tinha visto nenhuma resenha desse livro, mas achei muito bacana rsrs
    amei de mais essa capa, espero poder comprar, eu estava vendo o s livros dessa editora e todos tem capas bem incriveis
    Bjks
    Passa Lá No meu Blog Pleas - http://ospapa-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir